STARTUPS X MODELO TRADICIONAL DE NEGÓCIO

Compartilhe:

Você já deve ter escutado esse termo, ou lido uma reportagem falando de empresas que iniciaram como Startups e hoje são destaque no mercado. Mas, o que é uma Startup, ou então as Startups Unicórnio e o que esse modelo de negócio tem de tão diferente, comparado a uma empresa tradicional?

As Startups são criadas para solucionar problemas e tem um viés tecnológico. Nessas empresas a probabilidade de risco é alta. Em alguns casos, a chance de sucesso é de apenas 1%.

Elas possuem um método escalável, seu objetivo é continuar crescendo sem precisar limitar o número de usuários que pode atender. Desta forma, não importa o quanto a demanda da Startup aumente, seus clientes serão igualmente atendidos. Devido ao seu modelo de negócio, o serviço pode ser facilmente repetido para atender a todos. Entre essas empresas podemos mencionar a Uber, Nubank e até mesmo o PayPal. Todas elas começaram como Startups.

“Existe um momento onde a Startup sofre uma transição e se torna uma empresa tradicional, com um novo modelo de negócios.” Esclarece Edson Lamb, diretor da BCS. “Empresas tradicionais, também podem adquirir esse modelo de negócios. Alguns empreendimentos com mais de vinte anos, hoje transformam setores das suas empresas em Startups.”

E não vamos esquecer das Startups Unicórnio. A mais famosa é o Facebook, que surgiu com o novo nicho de mercado da época, as redes sociais. O que torna uma Startup em um Unicórnio, é o investimento superior a 1 bilhão de dólares, tais como a Dropbox, SpaceX e Farfetch.

“Nenhum modelo é melhor que o outro, o que os difere é a Startup ser mais arriscada, e no início, os profissionais não terem seus cargos bem definidos, todos trabalham nos mais diversos setores para o crescimento da empresa.” Completa Lamb.

A maior diferença é que, enquanto as Startups surgem para solucionar, as empresas tradicionais nascem de uma necessidade. O modelo convencional tem o objetivo inicial de sobreviver e ter retorno no valor investido. Por possuir um planejamento mais detalhado, ela gera menos riscos e esse último fator leva a um maior número de concorrentes.

Gostou? Quer ler mais sobre esse tipo de conteúdo ou tem alguma sugestão de pauta? Então deixe seu comentário abaixo ou entre em contato com a BCS através do e-mail marketing@bcsautomacao.com.br

 

Anteriores

ASSOCIAÇÃO BAHIANA DE SUPERMERCADOS É PIONEIRA NA REGIÃO

Próximo

CAMPINAS RECEBE CONGRESSO SOBRE DOR VETERINÁRIA

Deixe uma resposta

POR: BCS Automação